Associação dos Oficiais
Policiais e Bombeiros
Militares do Estado
do Paraná
  • CONTENT

Notícias

13.06.2018

ASSOFEPAR participa de reuniões e apoia mobilizações em prol da data-base

A diretoria da Associação dos Oficiais Policiais e Bombeiros Militares do Estado do Paraná (ASSOFEPAR) vem dedicando especial atenção, nos últimos meses, às negociações que tratam do pagamento da reposição inflacionária (data-base) aos servidores públicos do Poder Executivo e aos Militares Estaduais.

 

Nesse período, juntamente com o Fórum dos Servidores Estaduais e demais carreiras da segurança pública, o Presidente da ASSOFEPAR, Coronel Izaías de Farias e outros conselheiros, participaram de reuniões importantes, inclusive com o Líder do Governo na Assembleia Legislativa, Deputado Pedro Lupion. Também se reuniram, com os Secretários da Fazenda, da Casa Civil, da Administração e Previdência, do Trabalho e da Educação.

 

Paralelamente à vigília realizada pelos servidores públicos integrantes das diferentes categorias em frente ao Palácio Iguaçu, por meio das respectivas entidades representativas, desde a última segunda-feira (11), a Associação dos Oficiais juntamente com a Associação dos Policiais Militares do Litoral, Associação da Vila Militar e Associação dos Militares Estaduais dos Campos Gerais, têm manifestado apoio e participado de diversas reuniões com parlamentares, buscando a conscientização sobre a importância deste direito para os agentes públicos como um todo. A intenção é evitar que os salários sejam ainda mais desvalorizados, em razão da não reposição da inflação.

 

O Presidente da ASSOFEPAR, Coronel Izaías de Farias, destaca que há grandes expectativas de que a Governadora do Estado, Cida Borghetti, “priorize esse direito dos servidores e dos Militares, tomando as medidas necessárias nesse momento, para que a reposição seja feita, da mesma forma que se encaminha a merecida reposição dos servidores dos demais Poderes. Em uma das reuniões foi discutido com Secretário da Fazenda e os técnicos da pasta, a viabilidade da data-base, o clima é de otimismo”, disse.

 

Necessário salientar que o direito à data-base se aplica a todos os agentes públicos, dos diferentes órgãos e poderes, sejam eles civis ou Militares.

Indicar PARA UM AMIGO
Comentários
Deixe seu comentário

INDIQUE UM AMIGO
Ops,
essa matéria é restrita para associados.
Faça seu login para ler
associe-se esqueci minha senha